Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Conte uma história, poste uma arte ou um vídeo! Confira os guias de jogos, tire suas dúvidas e compartilhe sua jogatina. Disputa batalhas online com jogadores e participe dos RPGs. Converse sobre qualquer coisa, poste memes, faça novos amigos! Só não deixe de logar ou se inscrever.
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!
Pokémon BW: Viajando por Unova Pikalove


Participe do fórum, é rápido e fácil

Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Conte uma história, poste uma arte ou um vídeo! Confira os guias de jogos, tire suas dúvidas e compartilhe sua jogatina. Disputa batalhas online com jogadores e participe dos RPGs. Converse sobre qualquer coisa, poste memes, faça novos amigos! Só não deixe de logar ou se inscrever.
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!
Pokémon BW: Viajando por Unova Pikalove
Pokémon Mythology
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Pokémon BW: Viajando por Unova

Ir em baixo

Pokémon BW: Viajando por Unova Empty Pokémon BW: Viajando por Unova

Mensagem por rick93 Ter 27 Set 2011 - 11:49

olá, meu nome é Rick, e essa é minha primeira fanfic. De momento postarei a biografia dos personagens e amanhã colocarei as imagens e postarei o prólogo.

Biografia dos personagens:

Spoiler:

Protagonistas:

Pokémon BW: Viajando por Unova Pwall1
Nome: Marc Nogaret
Idade: 15 anos
Descrição: Um garoto simpático e extrovertido, mas muito ansioso. Gosta muito dos seus amigos Eura e Hilbert e faz o impossível para ajudá-los nos momentos difíceis. Quer vencer a Liga de Unova e derrotar a Elite 4 e o campeão da Elite.
Pokémons:
Pokémon BW: Viajando por Unova 506s Pokémon BW: Viajando por Unova 618r Pokémon BW: Viajando por Unova 535

Pokémon BW: Viajando por Unova Philda
Nome: Eura Taylor
Idade: 14 anos
Descrição: Sempre alegre e de bem com a vida, Eura é a felicidade em pessoa. Quando tem uma ideia fixa na cabeça se torna uma pessoa teimosa e cabeça-dura. Sonha em ser como sua ídolo, Elesa, a Líder do Ginásio de Nimbasa e em derrotar a Elite 4.
Pokémons:
Pokémon BW: Viajando por Unova 501f Pokémon BW: Viajando por Unova 519c


Pokémon BW: Viajando por Unova 78949956
Nome: Hilbert Jones
Idade: 15 anos
Descrição: Desde criança sonha em viajar por Unova para viver novas experiências e novas aventuras. Com Marc e Eura como seus companheiros de viagem, ele tem a certeza de que acontecerão coisas interessantes. Sonha em vencer a Liga de Unova.
Pokémons:
Pokémon BW: Viajando por Unova 513qk Pokémon BW: Viajando por Unova 531d

Rivais:
Pokémon BW: Viajando por Unova Cherenf
Nome: Cheren
Idade: 16 anos
Descrição: Cheren é um garoto muito estudioso e sempre tem uma resposta para tudo. Entretanto, é tímido e pode se tornar arrogante quando perde uma batalha para pessoas que não são tão inteligentes quanto ele. Sonha em vencer a Liga de Unova.
Pokémons:
Pokémon BW: Viajando por Unova 495j

Pokémon BW: Viajando por Unova Images2fa
Nome: Bianca
Idade: 16 anos
Descrição: Bianca é alegre e divertida, mas é extremamente desorganizada e tem um verdadeiro "tombo" por pokémons fofos. Quer vencer a Liga de Unova para provar à todos que é capaz de se virar sozinha.
Pokémon:
Pokémon BW: Viajando por Unova 498x

Pokémon BW: Viajando por Unova Images3yrn
Nome: Vanessa Goodnight
Idade: 14 anos
Descrição: Vanessa é uma garota neurótica e desconfia de tudo e de todos, mas às vezes é bem ingênua. Apesar disso, tem um bom coração. Sonha em ser membro da Elite 4.

Pokémon BW: Viajando por Unova Pokemontrainerbrendanem
Nome: Dino Felicce
Idade: 15 anos
Descrição: Dino é arrogante e detesta treinadores que não se concentram apenas na vitória. Ele acredita que Marc é um treinador fraco e sem futuro. Pratica os treinamentos mais duros, sempre buscando fortalecer à si mesmo e à seus pokémons. Sonha em derrotar Alder e ser o novo campeão de Unova.

Pokémon BW: Viajando por Unova Kulagalsisland
Nome: Luise Greenland
Idade: 15 anos
Descrição: Luise é a frieza em pessoa. Olhar nos seus olhos é como olhar para um iceberg. Ela acredita que amizades são para os fracos. Não demonstra nenhuma emoção em batalha. Seu sonho é desconhecido.
Pokémons:

Pokémon BW: Viajando por Unova 613

Vilões:

Pokémon BW: Viajando por Unova 200pxblackwhiteteamplas
Nome: Equipe Plasma
Administradores: Ghetsis, Seven Sages e Shadow Triad
Líder: N
Fundação: Desconhecida
Fundada por: Ghetsis
Objetivos: Libertar os pokémons da humanidade (faxada), dominar o mundo (principal)
Membros Importantes: N, Seven Sages, Ghetsis, Shadow Triad
Base: Castelo do N
Inimigos: Humanos (em especial treinadores pokémon)


PRÓLOGO

Meia-noite. A lua incide fortemente sua luz sobre o penhasco onde se encontra um rapaz magro de cabelos verdes, olhar perdido, camisa branca, camiseta preta debaixo da camisa, tênis verde e preto, calça cáquie bone verde branco.


- A lua está bonita esta noite. - murmurou o rapaz.

O rapaz olha para a floresta que fica embaixo do penhasco. O sons que saem da mata fechada lhe dão uma sensação de paz e nutre o seu sonho de viver em mundo onde os pokémons não estejam mais sujeitos ao controle de treinadores ou de humanos comuns. Um mundo onde possam viver em paz e sem medo.

De repente o rapaz ouve um barulho atrás dele. Ao se virar se depara com um homem alto, de cabelos esverdeados, olhar malicioso, usando um finíssimo terno italiano e sapatos pretos recém-engraxados.

- Está atrasado Ghetsis. - disse o rapaz.

- Me perdoe Sr. N, me perdi pela mata. - respondeu Ghetsis.

- Que seja. - ponderou N - Diga logo para que você me chamou aqui.

- Relaxe e ouça com bastante atenção, pois tenho uma proposta para lhe fazer. - respondeu Ghetsis.

- Vá direto ao ponto. - ordenou N.

- Vim propôr que você seja o Rei da minha organização, a Equipe Plasma. - disse Ghetsis - Quero que você trabalhe comigo no intuito de salvar todos os pokémons dos males do ser humano e iniciar uma nova era de paz e prosperidade no mundo.

Após Ghetsis terminar de falar, N começou a analisar mentalmente a proposta. Se aceitá-la poderá realizar seu sonho, mas estará se sujeitando à vontade de Ghetsis e arriscando o próprio pescoço por ele.

- Eu aceito. - respondeu N.

- Sábia decisão. - disse Ghetsis enquanto dava um sorriso malicioso - Amanhã meus homens virão buscá-lo para levá-lo ao seu novo castelo. Garanto que você não se arrependerá de sua decisão.

- Que seja. - disse N - Até amanhã.

E N seguiu pela mata, pensando no que tinha acabado de fazer.

- Ele pensa que pode me usar para seus propósitos. - pensou N - Ele é esperto, preciso ser cauteloso e antecipar minhas ações.

Enquanto isso, ainda no penhasco, Ghetsis saboreava seu triunfo.

- Foi fácil demais. - pensou Ghetsis em voz alta - Logo, logo esse sujeito fara tudo o que eu quiser.

Um homem vestido de forma semelhante à um cavaleiro medieval aparece do meio da mata.

- Lorde Ghetsis, sua aeronave já está pronta. Só esperamos a sua ordem para podermos partir. - disse o homem.

- Ótimo. - disse Ghetsis - Vamos partir agora.

* * *

Um helicópteto pousa em um campo abandonado. Uma passagem se abre no meio do mesmo campo e através dela se vê uma escadaria. Das escadas sai Ghetsis cercado por dez de seus fiéis seguidores.

- Onde N está? - pergunta Ghetsis ao piloto do helicóptero.

- Já vai descer. - respondeu o piloto.

De repente N sai do helicóptero.

- Acompanhem Vossa Majestade à seus aposentos. - ordenou Ghetsis à seus homens.

- Não é necessário. - disse N - Posso achar o caminho sozinho.

E saiu em direção às escadas.

- Homens! - chamou Ghetsis - Vamos para a cidade Nacrene para começarmos a espalhar nossa mensagem ao mundo!

CONTINUA...


Última edição por rick93 em Sab 8 Out 2011 - 15:41, editado 3 vez(es)
rick93
rick93
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon BW: Viajando por Unova Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon BW: Viajando por Unova Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Pokémon BW: Viajando por Unova Empty Re: Pokémon BW: Viajando por Unova

Mensagem por rick93 Sab 1 Out 2011 - 13:05

Lá vai o primeiro capítulo. Podem comentar à vontade.

Capítulo 1 - Início

TRIMMM. O despertador toca. Um garoto de 15 anos, cabelos esverdeados e olhos azuis acorda, relutantemente, do mundo dos sonhos para o mundo real.

- Hora de levantar. - disse o garoto.

Ele vai até o armário escolher uma roupa para vestir. Por fim, escolhe uma camisa branca com botões azuis, calça verde e tênis azul e branco e segue para o banheiro para tomar um banho e escovar os dentes. Em seguida desce as escadas para tomar seu café da manhã. Ao chegar na conzinha é servido por sua mãe.

- Termine rápido Marc. - ordenou a mãe - Hilbert está te esperando lá fora para você irem ao laboratório da Profª Juniper.

- Está bem, mãe. - disse Marc

Marc abocanhou sua torrada e seguir rapidamente para a porta, mas sua mãe o chamou de volta.

- Espere! - chamou a mãe.

Marc voltou à cozinha e acabou por ganhar um abraço bem apertado da mãe.

- Mãe, para. Não sou mais criança - disse Marc.

- Você sempre será o meu bebê. - disse a mãe, chorosa - Boa sorte em sua jornada.

- Obrigado, Mãe. - disse Marc com um sorriso.

Marc abriu a porta e encontrou um garoto de cabelos e olhos castanho-escuro, boné vermelho e preto, camisa preta e jaqueta azul. Ele estava com cara de impaciência.

- Gostou de esperar, Hilbert? - perguntou Marc para o garoto.

- Agora não é hora para sarcasmos. - retrucou Hilbert - Precisamos ir depressa, senão ficaremos sem pokémons.

Os rapazes seguiram para o laboratório com relativa pressa, sem prestar atenção à paisagem pacata e tranquila da cidade Nuvema, com suas poucas casas e com uma espécie de pombo se divertindo na grama.

Em pouco tempo os jovens chegaram ao seu destino. Era um lugar cheio de equipamentos para estudo dos pokémons, paredes azulejadas e um campo de batalha nos fundos. Perto de uma mesinha de aço estavam esperando uma mulher ruiva, de jaleco branco, vestido verde-amarelado, por baixo do jaleco, e uma salto alto amarelo-claro.

- Bom dia, rapazes. - disse a Profª Juniper - Antes de tudo quero apresentá-los àqueles dois. - disse enquanto apontava para um menino e uma menina que estavam ao lado dela.

- Prazer, sou Bianca. - disse a menina - E esse nerd ao meu lado é o Cheren -disse apontando para o garoto.

- Não sou nerd. - disse Cheren.

- Isso é o que você diz - disse Bianca, rindo.

Cheren realmente parece um nerd. Traja uma camisa camisa branca com uma faixa vermelha, jaqueta azul, calça preta, sapatos azuis e óculos de grau. Seus cabelos e seus olhos são negros.

Já Bianca usa uma bona verde, camisa branca, colete laranja, saia branca, calça laranja, por baixo da saia, e sandálias amarelas. Seus cabelos são loiros e seus olhos são cinzas.

-Apenas me preocupo em estudar o que qualquer um deveria saber. - disse Cheren.

- Ou seja, você é um nerd. - disse Bianca, em tom de provocação.

Marc e Hilbert se entreolharam. Não sabiam se riam ou se deveriam ser solidários ao pobre Cheren.

- Já chega crianças. - falou a Profª. Juniper pondo um ponto final ao assunto - Hora de escolherem seus pokémons. -disse apontando para duas pokébolas sobre a mesa.

- Eu escolho o Snivy. - disse Cheren.

- E eu escolho o Tepig. - disse Bianca.

- Boas escolhas, crianças. - disse a Profª. Juniper, feliz - Aqui estão suas pokébolas e suas pokédex. Cuidem bem dos seus novos amigos.

- Obrigado. - disse Cheren - Vamos Bianca.

- Até mais garotos - disse Bianca.

- E quanto a nós professora? - perguntou Marc, assim que os outros saíram

- Para vocês eu tenho dois pokémons que acabram de sair do ovo. - disse a Profª. Juniper enquanto pegava duas pokébolas - Saiam, Pansear e Lillipup!

Das pokébolas saíram um macaco e um filhote de cachorro. O macaco tinha pelos vermelhos na cabeça, onde formavam uma chama, e na cauda e membros inferiores, pelos amarelos no peito, nos braços e na região da boca e olhos negros. O filhote de cachorro tinha pelos bege pelo corpo e cor-de-creme da cara, além de uma mancha preta nas costas, olhos negros e nariz vermelho.

- Não tenho mais pokémons iniciais e por isso vocês vão ter que escolher entre esses dois. - disse a Profª. Juniper.

- Neste caso, eu fico com o Lillipup. - disse Marc.

- E eu com o Pansear. - disse Hilbert.

- Está certo. - disse a Profª. Juniper - Aqui estão suas pokédex e sua pokébolas. Cuidem-se garotos e boa sorte.

- Obrigado, professora. - agradeceu Marc - Vamos Hilbert.

Os dois saíram do laboratório e seguiram o caminho que levava à entrada da cidade. Chegando lá, viram uma placa onde estava escrito: Rota 1 - para Accumula.

- É aqui que tudo começa. Mas antes, - disse Hilbert ao se virar na direção onde estava Marc - Que tal uma batalha para descontrair?

- OK, mas quem perder carrega a mochila do outro. - disse Marc.

- Fechado. - disse Hilbert - Saia, Pansear!

- Vá, Lillipup! - ordenou Marc.

- Pansear, use Scratch! - ordenou Hilbert, confiante.

- Lillipup, esquive e use Tackle!

A ponta da mão direita do Pansear começou a brilhar e ele se lançou contra o Lillipup, que desviou e investiu contra a barriga do adversário.

- Pansear, use Incinerate! - ordenou seu treinador, nervoso.

- Lillipup, use Bite! - oredenou seu treinador, tranquilo.

Lillipup tentou morder a cabeça do Pansear, mas foi acertado diretamente por uma rajada de fogo que saiu da boca do Pansear.

- Pansear, use Fury Swipes! - ordenou seu treinador, acreditando na vitória.

- Lillipup, use Bite novamente! - oredenou Marc, tentando uma reviravolta.

As pontas das mãos do Pansear brilharam e ele tentou acertar cinco golpes no Lillipup, que desviou de todos e mordeu a cabeça do Pansear. Mas, não era uma mordida comum. Eletricidade saiu da boca do Lillipup e o Pansear levou um potente choque que o fez cair nocauteado.

- Você fez o possível, Pansear. - disse Hilbert retornando seu pokémon - Parece que seu Lillipup aprendeu o Thunder Fang. - disse para Marc.

- Estou tão surpreso quanto você. - disse Marc.

- Vamos logo para Accumula. A inscrição para a liga de Unova é lá. - disse Hilbert, já caminhando.

- Espere aí. Você tem que pagar a aposta. - disse Marc, rindo.

- Eu deveria ter ficado de boca fechada. - lamentou Hilbert enquanto pegava a mochila de Marc.

Os garotos seguiram para Accumula pensando em todas as possíveis experiências que poderiam ter, quando ouviram um grito.

- Socorro!

- Ouviu isso? - perguntou Hilbert.

- Parece que alguém está em apuros. - disse Marc. - Vamos, o grito veio dali. - disse apontando para a esquerda.

Os garotos correram para fora da estrada, na direção do grito, até finalmente encontraram um buraco com uma garota presa nele.

- Será que vocês poderiam me tirar daqui? - pediu a garota.

- Marc, segure meus pés enquanto eu tento tirá-la do buraco. - disse Hilbert enquanto se debruçava no buraco. - Segure minhas mãos. - disse para a garota.

Mas Marc não possuia força para puxar os dois e com isso a garota acabou caindo no chão do buraco.

- Será que tenho que fazer tudo sozinha? - perguntou a garota, com raiva, enquanto tirava duas pokébolas da bolsa. - Oshawott! Pidove! Ajudem a me tirar desse buraco!

Um castor e um pombo saíram das pokébolas e começaram a ajudar os garotos. Juntos, conseguiram tirar a garota do buraco.

- Obrigado, amigos. - disse a garota.

- Não tem por onde. - disse Marc.

- Estava falando com os pokémons. - retrucou a garota. - No que dependesse de vocês eu ainda estaria lá embaixo.

- Você deveria ser mais agradecida. - disse Hilbert, mal-humorado.

- Vocês nao fizeram mais do que sua obrigação. - retrucou a garota - Afinal de contas eu sou uma dama.

- E qual seria o nome da dama? - perguntou Marc, sarcástico.

- Me chamo Eura. - disse a garota - E esses heroizinhos são Oshawott e Pidove. - disse apontando para os pokémons.

Oshawott parecia um castor com pelos brancos na cabeça e nos braços, pelos azul-claro no tronco, pelos azul-escuro nas orelhas, cauda e pés, olhos negros, nariz marrom e usava uma concha amarela no estômago. Pidove lembrava um pombo, com pés cor-de-rosa, bico marrom, penas cinza na maior parte do corpo, pena pretas na cauda e nas asas e olhos pretos e amarelos.

- Vamos ver o que a pokédex diz. - disseram os garotos ao mesmo tempo.

Pokémon BW: Viajando por Unova 501f

Tipo: Water

Oshawott, o pokémon lontra-do-mar. Oshawott ataca e defende usando a concha que pode ser removida de seu estômago.

Pokémon BW: Viajando por Unova 519c

Tipo: Flying

Pidove, o pokémon pequeno-pombo. Quando um bando de Pidoves arrulha pode ser extremamente barulhento. Pidove não é atraído por objetos brilhantes.

- Eles parecem bem fortes. - avaliou Marc.

- Podemos resolver esta questão com uma batalha. - propôs Eura.

- Nós adoraríamos, mas nossos pokémons estõa cansados da última batalha que fizeram. - disse Hilbert.

- Neste caso é só irmos para o centro pokémon na cidade Accumula. Mas antes disso, - disse Eura se virando para Marc e pegando uma pokébola na bolsa - quero que você fique com este pokémon. Acho que ele se dará melhor com você do que comigo.

- Que pokémon tem aí dentro? - perguntou Marc.

- É um Stunfisk. - disse Eura - Mande-o sair para ver como ele é.

- Saia, Stunfisk! - ordenou Marc.

Após esta ordem, apareceu um pokémon de corpo cor-de-ferrugem, boca marrom-claro, cauda amarela e com duas manchas amarelas no corpo. Assim q apareceu, Marc pegou sua pokédex.

Pokémon BW: Viajando por Unova 618r

Tipo: Ground/ Electric

Stunfisk, o pokémon armadilha. Stunfisk se esconde na lama e depois oferece um choque elétrico à sua presa quando esta o toca, sorrindo todo o tempo.


- Legal. - disse Marc.

- E eu não ganho nada? - perguntou Hilbert com cara de pidão.

- Ganha o direito de calar a boca sem reclamar. - retrucou Eura. - Agora vamos logo, já perdemos muito tempo.

- Meninas... - resmungou Hilbert.
Bom esse foi o primeiro capítulo. Espero que vocês do forum comentem. O segundo capítulo será postado dia 8.


Última edição por rick93 em Sab 8 Out 2011 - 10:12, editado 6 vez(es) (Razão : Para completar o post.)
rick93
rick93
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon BW: Viajando por Unova Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon BW: Viajando por Unova Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Pokémon BW: Viajando por Unova Empty Re: Pokémon BW: Viajando por Unova

Mensagem por rick93 Sab 8 Out 2011 - 15:28

Capítulo 2 - Tympole

Os jovens caminharam até a estrada e seguiram para Accumula. No decorrer do caminho admiravam a paisagem de primavera, cheia de flores rosas e suas pétalas sendo carregadas pelo vento. Estava tudo tranquilo, até que um pokémon rosa e cor de pele, com olhos azuis saiu de um arbusto querendo briga.

- Parece ser um Audino. - disse Eura, enquanto pegava a pokédex.

Pokémon BW: Viajando por Unova 531d
Nome: Audino

Tipo: Normal

Audino, o pokémon audição. Audino pode avaliar a condição geral física e o humor de um pokémon usando suas orelhas.

- Pensei que os Audinos fossem pacíficos e dóceis. - disse Marc ao ver o olhar raivoso do Audino.

- Dócil ou não, eu vou capturá-lo. - falou Hilbert, decidido - Vá, Pansear! - ordenou.

Pansear encarou o Audino selvagem e fez uma cara pessimista.

- Vai ser dureza derrotar essa fêmea. - pensou o Pansear, sentindo-se derrotado.

- Muito bem. Pansear, use Fury Swipes! - ordenou Hilbert, com um excesso de confiança.

As pontas das mãos do Pansear brilharam, mas antes que tentasse atacar a Audino se aproximou com incrível velocidade e começou a estapear o pokémon macaco.

- Que belo jeito de se usar um DoubleSlap! - exclamou Eura, maravilhada.

- De que lado você está? - perguntou Marc, irritado.

Enquanto discutiam, Audino se preparava para fazer charme para o pokémon macaco.

- É um Attract! - exclamou Hilbert - Pansear, tente desviar e usar o Incinerate! - ordenou, desesperado.

Audino piscou o olho esquerdo e dele saíram corações rosados em direção do Pansear, que desviou do golpe e tentou lançar suas chamas, mas algo saiu diferente. O pokémon macaco brilhou em vermelho e lançou uma rajada amarelo-clara e vermelha, que atingiu a Audino em cheio e lançou-a contra uma pedra, caindo nocauteada após o impacto.

- Retorne, Pansear! - ordenou Hilbert, enquanto pegava uma pokébola vazia - Vá, pokébola! - disse, lançando a bola na Audino.

A pokébola bateu de leve na cabeça da Audino, que brilhou em vermelho e foi recolhida pela bola. Esta balançou por uns instantes antes de brilhar indicando o sucesso da captura.

- Parabéns. - disse Eura.

- Foi fácil. - vangloriou-se Hilbert.

- Não se pode elogiar. - retrucou a garota - Vamos logo, Rambo. - disse, dando um tapa na nuca de Hilbert.

Dez minutos depois estavam chegando na cidade Accumula.

- Vamos direto para o Centro Pokémon. Estou morrendo de fome. - disse Marc.

O trio seguiu para o Centro Pokémons, admirando o estilo rústico das edificações da cidade. Era um lugar realmente acolhedor. Estavam quase na porta do Centro, quando uma mulher gritou.

- Parem esses ladrões!

Dois homens saíram à toda velocidade de dentro do Centro em direção à saída da cidade.

- O que foi isso?! - exclamou Eura, perplexa.

- Pelo visto estavam com pressa. - disse Hilbert.

Uma mulher de cabelos rosa, olhos castanho-escuro e vestida como uma enfermeira se aproximou.

- Por favor, me ajudem! - suplicou ela - Eles roubaram um dos pokémons que estavam em tratamento. - disse, chorosa.

- Quem são eles? - perguntou Marc.

- São soldados da Equipe Plasma, uma organização que diz defender os interesses dos pokémons. - explicou a mulher.

- Duvido que os pokémons estejam interessados na "defesa" que esses sujeitos têm a oferecer. - comentou Eura.

- Vocês são treinadores, certo? Por favor, resgatem o pokémon roubado. - suplicou a mulher.

- Pode deixar. - disse Marc- Traremos ele de volta são e salvo. - prometeu.

O trio correu para a entrada da cidade no intuito de verificar se os ladrões ainda estavam por lá.

- Sumiram! - bufou Eura - Bando de covardes! - gritou pro vento.

- Ei, fique quieta! - ordenou Hilbert - Estou ouvindo vozes! - disse em voz baixa.

- Eu também! - confirmou Marc - Estão vindo dali. - disse, apontando para o mato.

Eles correram para o mato, passaram por algumas árvores e por fim encontraram os dois ladrões discutindo. Esconderam-se atrás de um arbusto para nao serem vistos.

- Devíamos ir direto para o quartel-general e entregar esse pokémon para algum dos Seven Sages. - disse um deles.

- Não! - gritou o outro - Nós vamos ficar com ele. Lorde Ghetsis pediria nossas cabeças se soubesse que roubamos um pokémon! - exclamou desesperado.

De repente os jovens saem detrás do arbusto e interrompem a discussão.

- Esse tal de Ghetsis é o menor dos seus problemas. - disse Marc, intrometendo-se - Farei com que vocês paguem por ter sequestrado um pokémon inocente. - ameaçou.

- Isso é alguma piada? - desdenhou o primeiro ladrão - Você nao sabe como quem você está se metendo moleque! - ameaçou.

- Vocês que não sabem como quem está se metendo. - disse Eura - E que roupas ridículas são essas? Por acaso estão indo à uma festa à fantasia? - debochou

E realmente parecia que os ladrões iam à uma festa. Suas vestes lembravam cavaleiros medievais, com luvas, botas, capuz e uma espécie de camisa cinza, um tipo de toga com o símbolo da Equipe Plasma e vestes pretas por baixo de tudo. Um deles segurava um girino de corpo esférico manchado de preto, cara bege-claro, olhos negros, cauda azul e um tipo de protuberância azul e preta dos lados.

- É um Tympole! - exclamou Hilbert, enquanto Marc pegava a pokédex.

Pokémon BW: Viajando por Unova 535
Nome: Tympole

Tipo: Water/ Ground

Tympole, o pokémon girino. Tympole emite ondas sonoras subsônicas ritmicas vibrando seu rosto. Estas ondas podem ser usadas para comunicação.

- Pirralhos insolentes. - rosnou um dos ladrões - Saia, Patrat! - ordenou.

Um esquilo de aparencia raivosa saiu da pokébola. Ele tem o corpo quase totalmente coberto por pelos marrom-claro, exceto na ponta da cauda, onde são brancos, na barriga e na região da boca, onde são chocolate-claro e na região dos olhos onde são pretos. Possui um par de dentes que ficam do lado de fora da boca e as cores dos seus olhos são vemelho, amarelo e preto.

Hilbert pegou a pokédex e apontou para o esquilo.

Pokémon BW: Viajando por Unova 504c

Nome: Patrat

Tipo: Normal

Patrat, o pokémon olheiro. Extremamente cautelosos, se dividem em turnos para manter vigilância constante sobre seus ninhos. Sentem-se inseguros sem um vigia.

- Eu cuido dele. - disse Eura - Vá, Oshawott.

- Patrat, use Bite! - ordenou o ladrão.

- Oshawott, evasiva e use Razor Shell. - ordenou Eura, tranquila.

Patrat tentou morder o Oshawott, que desviou do golpe e pegou a concha q estava em sua barriga. Da concha saiu uma espada feita de água que o Oshawott usou para golpear o Patrat bem no tronco, fazendo com que este caísse no chão.

- Pokémon inútil! - gritou o ladrão - Levante-se e use o Bite novamente! - ordenou

Patrat levantou-se. Mas em vez de atacar o Oshawott atacou o ladrão, mordendo-o no braço e este começou a gritar e se desesperar. Por fim esbarrou no outro ladrão, que por sua vez deixou o Tympole cair no chão.

- Isso não termina aqui. - ameaçou o primeiro ladrão - Por ora iremos embora, mas nos veremos de novo. - disse enquanto puxava seu parceiro, sumindo mato adentro.

- Que bom que foram embora. - disse Eura, após a fuga dos ladrões.

- Você está bem, amiguinho? - perguntou Marc para o Tympole.

- Pole! - confirmou o pokémon.

- Vamos levá-lo de volta ao centro pokémon. - disse Hilbert.

Os jovens saíram do mato, voltando para a entrada da cidade. - Enquanto caminhavam, Marc brincava com o Tympole. Pouco tempo depois chegaram ao centro pokémon, onde a mulher que pediu ajuda os aguardava.

- Que bom que conseguiram resgatar o Tympole! - comemorou - Perdoem-me por não ter apresentado antes. Sou a Enfermeira Joy da cidade Accumula.

- Sou Marc. E estes são Eura e Hilbert. - disse, apresentando os amigos.

- Levarei o Tympole para a enfermaria. - avisou a enfermeira Joy - Enquanto isso, por que não vãoao refeitório? Vocês parecem estar com fome. - sugeriu.

- Obrigado, estamos mesmo com fome. - disse Hilbert.

A enfermeira se retirou e o trio seguiu para o refeitório, com seus estômagos roncando em alto e bom som.

- O que vamos comer? - perguntou Marc.

- Que tal uns hambúrgueres? - sugeriu Hilbert.

- Deixa que eu pego. - se prontificou Eura.

A garota foi falar com a servente enquanto os garotos se sentaram em perto da janela. Logo Eura voltou trazendo três hambúrgures.

- Obrigado, Eura. - disse Hilbert - Agora eu odeio você um pouco menos. - disse com sarcasmo.

- Calado.- retrucou a garota.

Os três saborearam sua refeição. Estavam para sair do refeitório quando a Enfermeira Joy apareceu trazendo o Tympole.

- Ele está saudável e cheio de energia. - disse a enfermeira.

- Que ótimo. - disse Marc.

O Tympole saltou e caiu nos braços de Marc.

- Parece que ele quer seguir viagem contigo. - disse Hilbert, sorrindo.

- É isso que você quer? - perguntou Marc para o Tympole.

- Pole! - disse alegremente o Tympole.

- Está certo. - disse Marc, recolhendo o Tympole em uma pokébola.

- Cuide bem dele. - disse a enfermeira Joy.

- Pode deixar. - disse Marc. - Vamos. - disse para seus amigos.

- Espera aí.

Uma garota de cabelos azul-cristal e olhos púrpura impediu que seguissem seu caminho. Ela usava um vestido preto e e um sandálias da mesma cor.

- Foi você quem salvou o pokémon roubado? - perguntou a garota friamente.

- Sim, mas... - tentou dizer Marc.

- Quero batalhar com você agora. - disse a garota interrompendo Marc.

- OK, aceito seu desafio. - concordou o garoto - Mas antes, será que você poderia dizer seu nome? - perguntou.

- Me chamo Luise. - disse a garota, sem emoção.

- Tem um campo de batalha nos fundos. - disse Hilbert - Melhor irmos para lá.

- OK. - disse Luise, friamente.

Por um instante Marc olhos nos olhos de Luise e sentiu um arrepio que lhe percorreu a coluna. Sentiu um frio intenso, como se o inverno tivesse chegado antes do tempo.

- Você está bem? - perguntou Eura, preocupada.

- Estou, não se preocupe. - disse Marc.

Os três e Luise foram para os fundos do Centro Pokémon, abriram uma porta e chegaram ao campo de batalha. Era um campo simples, com o chão forrado por uma grama bem verde.

- Hilbert e eu estaremos sentados ali torcendo por você. - disse Eura, apontando pras arquibancadas. - Boa sorte.

- Muito bem. - disse Luise. - Escolha seu pokémon. - acrescentou, com frieza.

- Vá, Lillipup. - ordenou Marc.

- Cubchoo. - disse Luise, liberando um filhote de urso.

Hilbert pegou sua pokédex para ver que pokémon era aquele.

Pokémon BW: Viajando por Unova 613
Nome: Cubchoo

Tipo: Ice

Cubchoo, o pokémon friorento. Quando não se sente bem, seu muco fica aquoso e o poder de seus ataques do tipo gelo diminui.

- Vai ser uma batalha dura para nosso amigo. - cohichou Hilbert para Eura.

- Tem algo estranho nessa garota. - cochichou Eura em resposta.





Esse foi o segundo capitulo. Espero que comentem. O terceiro capítulo será postado dia 16.
rick93
rick93
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon BW: Viajando por Unova Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon BW: Viajando por Unova Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Pokémon BW: Viajando por Unova Empty Re: Pokémon BW: Viajando por Unova

Mensagem por rick93 Sab 15 Out 2011 - 19:46

Capítulo 3 - Luise

Marc e Luise se encararam. Ela é uma garota bonita, isso não há como negar. Mas, Marc teve novamente aquela sensação de frio e percebeu que a garota emanava uma estranha aura. Era como se ela fosse algum espírito perturbado em busca de vingança. O garoto desviou o olhar para seu pokémon e passou a se concentrar apenas na batalha.

- Vamos começar. - disse ele - Lillipup use Fire Fang! - ordenou confiante.
- Cubchoo, apenas fique parado. - disse Luise.

As presas do Lillipup começaram a emanar fogo e este correu para morder o Cubchoo, que recebeu todo o impacto. Após uma pequena explosão, o pequeno urso emergiu da fumaça sem nenhum arranhão ou dano aparente, com um olhar intimidante para o Lillipup.

- Mas como isso é possível?! - exclamou Eura.

- Eu disse que seria dureza. - murmurou Hilbert.

- Cubchoo, use Icicle Crash. - pediu Luise.

- Desvie e use... - tentou dizer seu adversário, mas foi interrrompido.

- Paralise-o com Echoed Voice. - completou a garota sem dar chance ao seu adversário.

Estalactites de gelo caíram sobre o Lillipup, que tentou desviar, mas foi paralisado pelas ondas sonoras emitidas pelo Cubchoo. O gelo caiu e Marc se desesperou. Viu seu pequeno Lillipup soltar um ganido extremamente alto, devido a dor de ser atingido pelos pedaços de gelo diretamente nas costas e ser prensado contra o chão.

- Isso está ficando horrível! - pensou Hilbert, perplexo.

- Icicle Crash novamente. - pediu Luise.

Mais estalactites de gelo caíram sobre o pequeno cão. Parecia ser o seu fim. Porém, um brilho emitiu-se debaixo de todo o gelo. Todos os pedaços foram arremessados para longe por um terrier. Ele possui olhos e nariz pretos, pelos castanhos nas pernas, orelhas e face, uma camada de pelos azul-escuro quase pretos nas costas e na cauda como se fosse uma capa e pelos creme na região T do rosto e em forma de bigode na região da boca.

- É um Herdier. - disse Eura, pegando sua pokédex.

Pokémon BW: Viajando por Unova 507q

Nome: Herdier

Tipo: Normal

Herdier, o pokémon cachorro leal, e a forma evoluída do Lillipup. Sua pelagem negra dura suaviza ataques do seu oponente como uma armadura.


- Uma evolução não resolverá seu problema. - disse Luise friamente - Cubchoo, use o Slash. - pediu.

- Espere até o último instante! - ordenou Marc, confiante.

As garras do Cubchoo brilharam e cresceram e este avançou contra o Herdier. Estava prestes a atingi-lo bem no rosto.

- Use Giga Impact! - oredenou seu treinador.

Herdier foi envolvido por uma energia giratória arroxeada e investiu contra o Cubchoo, acertando este diretamente. O urso foi arremessado e arrastou muita terra ao atingir o chão. Ficou muito prejudicado depois de receber esse golpe, principalmente nos braços e nas pernas, o que indicava que não poderia mais se mover.

- Está no papo. - comemorou Marc - Finalize com Thunder Fang! - ordenou.

As presas do Herdier começaram a liberar eletricidade e este começou a a correr na direção do imóvel Cubchoo, que nao demonstrava medo e esperava o ataque de peito aberto, mostrando uma grande coragem. Parecia que tinha algum truque guardado na manga.

- Use Ice Beam. - pediu sua treinadora.

Uma rajada de gelo saiu da boca do Cubchoo e atingiu a cabeça do Herdier, que começou a congelar. Mas o pokémon cachorro leal não recuou e continuou correndo, determinado a vencer. Cravou as presas na barriga e nas costas do pokémon urso, fazendo este ser eletrocutado. O Cubchoo, por sua vez, usou suas últimas forças para manter o Ice Beam e causar uma explosão.

- Quem venceu? - perguntou Eura.

- Não dá pra ver nada com essa fumaça. - disse Hilbert.

A fumaça começou a dissipar e após isso surgiu uma visão inesperada. O Cubchoo ainda estava de pé com resquícios de eletricidade pelo corpo e marcas profundas da mordida que levou. Já o Herdier, estava nocauteado dentro de uma pedra de gelo.

- Retorne, Herdier! - disse seu treinador - Você foi ótimo, agora descanse. - disse, olhando para a pokébola.

Seus amigos se aproximaram rapidamente. Era visível que estavam decepcionados, mas apesar da derrota eles se mostraram como amigos de verdade e o apoiaram nesse momento.

- Não fique triste com isso. - disse Eura, reparando na cara triste do amigo. - Você terá outras oportunidades de derrotar aquela garota.

- O que mais me impressiona é aquele Cubchoo. - falou Hilbert - Qualquer pokémon cairia após receber três golpes poderosos. Se ele já é poderoso agora, imagina quando evoluir. - finalizou.

Marc olhou para o outro lado do campo e viu que Luise já havia ido embora. Olhando atentamente, percebeu que o chão naquela parte estava congelado e se perguntou onde ela teria ido.

- O que está olhando? - perguntou Hilbert.

- Não é nada. - desconversou - Vamos logo, está escuro.

O trio voltou para dentro do Centro Pokémon e seguiu direto para os dormitórios. Arrumaram as camas e deitaram. Eura e Hilbert adormeceram quase que instantaneamente, mas Marc demorou para conseguir ter sono. Ainda pensava sobre o paradeiro de Luise. Por fim, afastou esses pensamentos, relaxou a mente e dormiu.

O dia amanhece com os jovens já no refeitório tomando seu café da manhã.

- Precisamos chegar logo na cidade Striaton. - disse Hilbert.

- Verdade. - disse Eura - Lá tem um café ótimo que eu adoraria conhecer e por ventura esse café também é o ginásio da cidade. - completou

- Que coisa de maluco. - disse Hilbert, virando os olhos.

- Ei vocês! - chamou a enfermeira Joy enquanto se aproximava - Soube que estão a caminho da cidade Striaton. Querem uma carona? - perguntou.

- Seria ótimo. - comemorou Eura - De carro chegaríamos em um quarto do tempo q levaríamos a pé.

- Leavará menos que isso. - disse a enfermeira - Venham comigo. - chamou.

Eles saíram do Centro Pokémon e se depararam com um conversível vermelho com listras brancas no capô. Parecia ser um carro rápido. Eles imaginaram como que uma enfermeira conseguiu comprar um carro daquele.

- Esse é meu bebê. - disse a enfermeira Joy orgulhosa - Ganhei ele num programa de televisão. Podem sentar e se acomodar. - disse.

Os quatro entraram no carro. Eura e Hilbert foram para o banco traseiro e Marc para o banco do passageiro.

- Todos prontos? - perguntou a enfermeira enquanto pegava seus óculos escuros - Lá vamos nós. - disse dando a partida.

O carro partiu à toda velocidade na direção da saída para Striaton. A paisagem vista do lado do carro passava como se fosse um borrão. O indicador de velocidade apontava 220 Km/h e em poucos minutos o carro estava chegando no ginásio de Striaton.

- Pronto. Chegamos. - disse a enfermeira Joy.

- Obrigado. - disse Marc enquanto todos saíam do carro.

- Boa sorte para vocês. Até mais - despediu-se a enfermeira dando a partida. O carro levantou poeira e sumiu no horizonte.

- Deveríamos ter vindo a pé. - remungou Hilbert. - Essa barbeira quase que nos mata!

Eura olhou para o ginásio. Era uma construção marrom, com janelas grandes e telhado azul. Lembrava vagamente uma igreja renascentista.

- Vamos entrar. - disse a garota.



Esse foi o terceiro capítulo. Espero que comentem. O quarto será postado dia 2.
rick93
rick93
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon BW: Viajando por Unova Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon BW: Viajando por Unova Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Pokémon BW: Viajando por Unova Empty Re: Pokémon BW: Viajando por Unova

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum