Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Conte uma história, poste uma arte ou um vídeo! Confira os guias de jogos, tire suas dúvidas e compartilhe sua jogatina. Disputa batalhas online com jogadores e participe dos RPGs. Converse sobre qualquer coisa, poste memes, faça novos amigos! Só não deixe de logar ou se inscrever.
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Pikalove


Participe do fórum, é rápido e fácil

Pokémon Mythology
Olá, visitante! Vejo que ainda não está conectado ao nosso fórum, faça login.
Espere, você ainda não está cadastrado? D:
Inscreva-se em nosso fórum e venha aproveitar as novidades que estamos preparando pra vocês. Conte uma história, poste uma arte ou um vídeo! Confira os guias de jogos, tire suas dúvidas e compartilhe sua jogatina. Disputa batalhas online com jogadores e participe dos RPGs. Converse sobre qualquer coisa, poste memes, faça novos amigos! Só não deixe de logar ou se inscrever.
Para cadastrar-se clique no botão 'Sign-Up' ou em 'Registrar-se' aqui abaixo. Seja bem vindo!
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Pikalove
Pokémon Mythology
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

+14
Edu.PM
poke master heatran
Drew
LucasAngel
Tsuu
Luluss4
Blizzard knight
Riku_Devon
MatheusMTW
Brijudoca
Davi
Nathy$
Bakujirou
Lucario: TheLegend
18 participantes

Página 3 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ir para baixo

O que devo fazer agora?

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Barra21060%Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Barra210 60% 
[ 3 ]
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Barra2100%Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Barra210 0% 
[ 0 ]
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Barra21020%Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Barra210 20% 
[ 1 ]
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Barra21020%Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Barra210 20% 
[ 1 ]
 
Total de votos : 5
 

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Luluss4 Dom 14 Jun 2009 - 9:54

Bela FanFic!
Coitado de Nate, ele deve ficar tão desconsolado nessa situação!
Espero próximos capitulos!

________________
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Jigglypuff11
Tem gente que não cansa...

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Ssbb2
Logo mais irá voltar!
Luluss4
Luluss4
Membro
Membro

Masculino Idade : 25
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


http://www.thepokemon.forumeiros.com

Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Lucario: TheLegend Qui 18 Jun 2009 - 21:14

Com tantas fics agora....a minha desceu muito! Me desculpem todos os donos de fics que ainda não comentei, mas é pq to em semana de provas na escola, só nessa tive 6, espero que entendam, mas por favor, não deixem de comentar na minha, principalmente os novos membros! ^^

Aos que já liam antes, espero que gostem muito desse capítulo, e o final da primeira temporada já está se desenrolando! O próximo capítulo promete ter uma das melhores batalhas de todas! Very Happy

No último capítulo de Pokémon: The Wrong Path...

"[...]
Após ver Nate friamente sair, e o ódio tomar conta de sua mente, Drew puxou seu celular o mais rápido que pôde, e discou o número que havia no papel que ele havia acabado de receber.
- Alô? – disse ele.
- Estava esperando sua ligação. – disse uma rouca voz, na outra linha.
- Quem é você?
- Você me conhece, Nate, só não sabe disso ainda. – disse a mesma voz, com um tom irônico. – Se você quiser ver sua amiga viva, não vá à Cherrygrove, e venha para cá, na base da Stark Mountain, aonde resolveremos isso de uma vez por todas.
- Mas eu não sou o Na...
Drew não teve tempo, o homem havia acabado de desligar, sem dizer mais nenhuma palavra.
[...]
A rua daquela casa parecia ser a mais deteriorada pelos acontecimento de dois dias atrás, pois nenhuma forma de vida podia ser vista naquele lugar, além de imensos buracos fazerem parte da paisagem.
A casa parecia mais velha ainda quando vista de perto. Sua pintura toda acinzentada com toques pretos, em conjunto com seu enferrujado portão, dava a sensação de uma moradia da Idade Média.
Nate percebeu um pequeno objeto acoplado ao portão que era um completo contraste à toda aquela visão: um interfone.
O garoto o pressionou, lentamente.
- Aqui é Nate Wegils.
[...]
Risser puxou o telefone portátil de seu bolso o mais rápido que conseguiu, como se estivesse esperando aquela ligação.
- Ele já está ai, então? – perguntou ela, desligando logo após ouvir a resposta.
Ela pegou a pokébola de seu Metang, chamou-o de volta, sem nem ao menos ver quem havia ganho a luta.
- Pronto, garoto, podemos ir, venha comigo. – disse ela, calmamente.
Sem nem ao menos ver se seu Umbreon ainda estava de pé, Drew chamou-o de volta, chamou também seu Natu, e correu o mais rápido que pôde em direção à cidade.
- Acalme-se. – disse Risser, parecendo uma mulher totalmente diferente do que era antes. – Eu te levarei à ele.
A capitã do Metalla Team puxou-o pelo braço, e levou-o pelas ruas destruídas da cidade até o casarão, aonde Nate esperava na porta.
- Nate, você não podia ter vindo aqui, vamos sair, rápido!- gritou ele, tentando correr em direção a Nate, mas sendo segurado por Risser.
- Não há mais volta agora. – disse uma voz, vinda da porta do casarão que havia acabado de abrir. – Bom trabalho, Risser.
- Fiz apenas o que me foi mandado, General Tyler."

Capítulo 10 – Você está comigo agora!

Os quatro continuaram parados. Drew ainda era segurado por Risser, e olhava fixamente para aquela figura estranha que se dirigia lentamente ao portão aonde Nate estava, sem dizer uma palavra sequer. Tyler se aproximou do portão, puxou uma chave prateada e enferrujada de seu bolso, e a abriu. O General do Metalla Team estava usando um traje extremamente formal: um belo paletó de uma cor prateada muito brilhante, com uma calça e um sapato social de mesma cor.
- Você é o General Tyler, então? – disse Nate, olhando para o homem parado em sua frente.
- Exatamente. Eu sabia que você viria.
- Nate, Nate, vamos embora, a Sam vai morrer, por favor, rápido! – gritava Drew, tentando se desvencilhar de Risser, desesperado.
- Fique quieto, garotinho. – disse Tyler, olhando para ele com uma profunda irritação. – Nate, você vai batalhar comigo agora.
- Eu vim aqui para buscar meus pokémons e ir embora, apenas isso.
Tyler colocou suas mãos em seus bolsos, sem dizer uma palavra, e puxou quatro pequenas esferas de cor branca e vermelha.
- Se disser que batalha comigo, eles estarão em suas mãos agora mesmo. – disse ele, mostrando as pokébolas para o garoto loiro à sua frente.
- Se é assim, com o maior prazer. – disse Nate, pegando os objetos da mão de Tyler, e dando largos passos para trás. – Batalharemos aqui nessa rua mesmo?
- Parem, parem, Nate, não faça isso, por favor! – gritou Drew, mais uma vez.
- Chega! – gritou Tyler, impaciente. – Risser, leve-o para o Centro Pokémon e certifique-se de que ele não sairá.
- Como o senhor quiser, general. – disse ela, puxando o garotinho pelo braço e desaparecendo ao virar a esquina.
Drew foi levado para lá gritando sem parar, mas Nate e Tyler mal entendiam uma palavra. Nate levantou a mão direita, aonde as pokébolas estavam, ao alto, e as jogou à sua frente, no enorme espaço que agora tinha entre ele e o seu adversário.
- Petti...Doom...Thrill...Honchkrow...é bom ver vocês de novo. – disse Nate, sorrindo verdadeiramente pela primeira vez em muitos anos.
Os qatro pokémons que ele tinha lançado, Banette, Houndoom, Nuzleaf e Honchkrow sorriram de volta, e correram para seu encontro, pulando em seu treinador.
- Família....- murmurou Nate, extremamente baixo.
- Ok, ok, agora chega disso, vocês se reencontraram e tudo mais, mas é hora de acabar logo com isso! – disse Tyler, irritado novamente. – Será uma batalha de seis contra seis, simples, até pra você.
- Como queira, porque o que mais quero agora é acabar com você!
- Você pode tentar o quanto quiser. – disse Tyler, rindo. – Agrron, vamos acabar logo com isso!
Uma pokébola de uma estranha cor azulada foi puxada por Tyler de dentro de seu paletó, sendo lançada em seguida por ele em direção à rua destruída, e liberando um enorme pokémon coberto por uma espessa couraça negra, e com também imensos par de chifres em sua cabeça metálica.
- É, Petti...parece que finalmente encontramos um adversário à nossa altura. – disse Nate, com seu arrogante sorriso novamente em seu rosto. – Quer começar?
- Nette, Nette! – disse Petti, frio como seu treinador, pulando para a frente.
- Aggron, não podemos demorar muito, use o Earthquake!
O imenso pokémon levantou suas duas mãos para o alto, preparado para batê-las no chão.
- Petti, você já deve imaginar o que fazer agora.... – disse Nate, olhando fixamente para seu pokémon. – Shadow Sneak!
As mão de Aggron foram descendo cada vez mais rápido, à medida que seu corpo se curvava, enquanto o Banette de Nate desaparecia rapidamente.
- Aggron, rápid....
Mas não havia mais tempo. Com uma velocidade incrível, Petti desapareceu do campo de batalha, reaparecendo em questão de segundos no topo da cabeça do pokémon de Tyler, e golpeando-o fortemente, desequilibrando-o e derrubando-o no chão.
- Agora, Petti, aproveite, use o Confuse Ray!
- Levante, Aggron!
O pesado pokémon se esforçava ao máximo para se levantar, mas o peso de seu corpo era tanto que ele mal conseguia se mexer. O Banette de Nate, obedecendo então a ordem de seu treinador, lançou quatro pequenas esferas de cores distintas contra Aggron, acertando seu rosto, e deixando seus olhos com um estranho brilho de inúmeras cores.
- Por favor, me ouça! – gritava Tyler. – Levante-se AGORA, ou ficará sem o almoço!
- Norgga, Norgga, Norgga.... – murmurava seu pokémon, completamente atordoado.
- Use o Focus Punch! – ordenou Tyler, ainda com esperanças.
Nate e Petti estavam parados, apenas assistindo aquela curiosa cena.
A mão direita do Aggron de Tyler ganhou um grande brilho avermelhado, tornando-a semelhante à uma luva, e ele começou a socar seu próprio corpo, repetidamente.

- O que você está fazendo??
- Norgga, Norgga, Norgga... – murmurava ele repetidamente, ainda se batendo.
- Petti, pode se sentar, vai ser mais divertido de ver assim. – disse Nate, com um enorme sorriso no rosto, enquanto seu pokémon obedecia, não entendendo a piada.
- Agora chega! – gritou o general, irritado. – Use o Shadow Claw, e no pokémon dele dessa vez, por favor...
Num movimento repentino, Aggron se levantou com uma incrível velocidade, e correu em direção ao Banette de Nate, ainda com o estranho brilho nos olhos, mas com um novo brilho de cor roxo tomando conta de suas afiadas garras.
- Levante e desvie. – disse Nate, calmamente.
Petti obedeceu novamente, e num simples movimento ele pulou para o lado, achando que estaria a salvo. Mas, Aggron estava realmente estranho, e em um também simples movimento, virou sua mão direita na direção do Banette, acertando de raspão seu braço esquerdo, mas deixando-o bem ferido.
- Finalmente. – disse Tyler, sorrindo.
- Não vai adiantar nada.
- Você verá! Aggron, use o Shadow Claw!
O brilho nos olhos do pokémon instantaneamente sumiram, e o brilho de cor roxa em sua mão começava a voltar, enquanto ele levantava sua mão na direção de Petti, que estava realmente muito próximo naquele momento. Suas enormes garras foram se aproximando cada vez mais do Banette de Nate, que continuava calado.
- Petti, Destiny Bond. – disse ele, no exato momento em que Aggron acertou Petti.
Com um simples levantar de mãos de seu Banette, um círculo negro se formou aos pés de Aggron enquanto ele nocauteava Petti. Em questão de segundos, o círculo negro começou a subir pelo corpo do pokémon de Tyler, tomando conta dele totalmente, em nocauteando-o também.
- Arrogância não leva a nada. – disse Tyler, chamando seu pokémon de volta.
- Mas realismo, sim. – disse Nate, chamando também seu pokémon de volta.
- O que você lembra da noite em que seus pais morreram, Nate? – perguntou Tyler, enquanto procurava por uma pokébola em seu paletó.
- O que importa pra você? – retrucou Nate.
- Garanto que o que sei tem muita importância para você. – respondeu o general, ainda remexendo seu paletó. – Ahh, achei! Lucario, é com você agora!
A pequena pokébola que misturava as cores amarelo e preto que Tyler havia acabado de lançar liberou um pokémon que tinha a mesma estatura de seu treinador, caminhava sobre duas patas, e parecia ser uma mistura de cachorro com coelho, nas cores azul e amarelo.
- Me diga o que sabe então. – disse Nate, calmamente, enquanto também puxava uma pokébola de sua mochila. – Honchkrow, sua vez!
Da pokébola que Nate lançou, seu grande pássaro negro saiu, e ficou voando sobre suas cabeças.
- Me diga o que lembra primeiro, em seguida te direi o que sei, não tem como eu fugir daqui. – disse Tyler, com um falso sorriso. – Honchkrow..você acha que isso vai fazer alguma coisa contra meu Lucario?
- Você não conhece a força dele, ele vai acabar com seu Lucario tão rápido que você nem ao menos verá. – disse Nate, arrogantemente, como sempre.
- Me diga primeiro o que lembra daquela noite, então continuaremos.
- Não consegue conversar e lutar? – perguntou Nate, sorrindo. – E é bom o que você tem para falar valer a pena!
- Vai valer.
- Daquela noite...me lembro apenas de um imenso helicóptero pousando...aquele monte de pessoas encapuzadas saindo...e aqueles profundos olhos brancos....chega. Conte-me agora do que você sabe. – disse Nate, parecendo irritado. – Parece que todo mundo do Metalla e do Farfalla Team sabe o que aconteceu naquela noite...por que será?
- Coincidência? – disse Tyler, sarcasticamente. – Me vença e você saberá de tudo.
- Vencer? Mas você disse que ia contar agora. – retrucou Nate.
- Você acha que não vai vencer então?
Sem dizer uma palavra sequer sobre isso, Nate olhou fixamente para o chão, e murmurou:
- Honchkrow, use o Sky Attack!
O pokémon que estava exatamente sobre o Lucario nesse momento ganhou um intenso brilho prateado que cobriu todo seu corpo, e voou em alta velocidade em sua direção.
- Isso mesmo, era o que eu queria ver. – disse Tyler, sorrindo. – Lucario, use Force Palm!
O pokémon do general se pôs em uma estranha posição com suas mãos com as palmas voltadas para a frente, de onde o pokémon de Nate vinha, dando a elas uma poderosa coloração avermelhada.
- Honchkrow, Double Team!
Enquanto se aproximava do pokémon adversário, Honchkrow se dividiu em inúmeras cópias, indo todas na mesma direção: Lucario.
- Lucario, use o Extremespeed agora, e derrube todos eles!
Ao comando de seu treinador, e com as mãos ainda brilhando, Lucario se moveu em uma velocidade impressionante derrubando todos os Honchkrows falsos que vinham em sua direção, mas sem sinal do verdadeiro.
- Agora, use o Sky Attack de novo!


Última edição por Lucario: TheLegend em Qui 18 Jun 2009 - 21:16, editado 1 vez(es)

________________
Ice GYM Leader - Pokémon Mythology

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)
https://pokemonmythology.forumeiros.com/fanfics-pokemon-f28/pokemon-the-wrong-path-reloaded-t4189.htm

(NOVO) Capítulo 5 - Ganhar de você e ir a Cherrygrove?
Lucario: TheLegend
Lucario: TheLegend
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Lucario: TheLegend Qui 18 Jun 2009 - 21:15

--------------------------------------------------------------------------------------------------------

Enquanto isso, no Centro Pokémon...

Drew estava sentando no único pequeno sofá que restava naquele lugar, enquanto a enfermeira Joy e Risser discutiam próximas a mesa, com a capitã sempre dando uma olhada para ele. Discretamente, o garoto puxou uma pokébola de sua mochila, e lançou para o chão, procurando fazer o menor barulho possível. De lá, um pequeno pássaro verde saiu, seu Natu.
- Tuna, devagar, use o Teleport e nos leve para perto da batalha entre Nate e aquele homem, você sabe aonda é, já estivemos lá! – sussurrou ele no ouvido de seu pokémon.
Sem fazer o mínimo barulho, o garoto foi instantaneamente teletransportado para o local aonde a batalha ocorria, atrás de uma enorme pedra que devia ser uma casa antes, de onde ele podia ver tudo o que ocorria.
- Muito bom, Tuna, valeu! – disse ele, sorrindo para seu pokémon, que sorria de volta, enquanto era colocado de novo em sua pokébola.
Foi quando ele se deu conta de que a batalha estava mais intensa do que ele imaginava, mas o garoto preferiu ficar quieto, para evitar problemas.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------

De volta à batalha...

- Lucario, atrás de você! – disse Tyler, apontando para o pássaro negro que ia na direção de seu pokémon em alta velocidade. – Pule e use o Close Combat nele, para acabar logo com isso!
- Honchkrow, força total!
As mãos de Lucario ganharam um brilho vermelho intenso, e ele pulou em direção ao Honchkrow que descia em diagonal em sua direção.
Com um rápido movimento, Lucario desviou do ataque do pokémon de Nate, e o golpeou com força total nas costas, fazendo-o bater contra o chão, completamente nocauteado.

- E então, Nate? – perguntou Tyler, sorrindo.
- Toy, sua vez! – gritou o garoto, lançando sua pokébola e ignorando completamente o que o homem com quem lutava disse, e liberando seu Castform. – É hora de acabar com isso.
- Concordo. Lucario, use o Close Combat de novo!
As mãos do pokémon de Tyler ganharam o mesmo intenso brilho vermelho de antes, e ele se dirigiu em alta velocidade em direção ao pokémon de Nate.
- Toy, use o Sunny Day e em seguida a Weather Ball, o sol está encoberto!
O Castform de Nate deu uma breve olhada para o céu, e com apenas um sinal de suas pequenas mãos, o tempo se abriu completamente, mudando sua forma para uma parecida com um pequeno sol, de uma intensa cor alaranjada.
- Lucario, acelere, senão será o seu fim!
O pokémon de Tyler começou a correr mais rápido ainda, parecendo estar praticamente invisível.
- Toy, você também, carregue logo a Weather B...
Não deu tempo nem de falar. Em questão de segundos após a ordem de seu treinador, Lucario estava ao lado de Castform, e golpeando-o o mais forte que podia, lançando-o contra seu treinador, e derrubando ambos.
- Seu idiota! Seu pokémon idiota, como você pôde fazer isso? Eu confiei em você, deixei você vir comigo, e você nem ao menos consegue carregar uma Weather Ball? – disse Nate, encarando seu pokémon com um intenso ódio expresso em seu rosto. – Você não merece mais ficar comigo.
O garoto então puxou a pokébola de seu Castform, que olhava para ele com uma profunda tristeza, e chamou-o de volta. Em seguida, acompanhado pelos olhares atentos de Tyler, Lucario e também de Drew, ele a jogou para longe, o máximo que pôde, deixando-a cair a alguns metros atrás de onde Drew estava.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------

Naquele exato momento, atrás da pedra...

- Como alguém pode ser tão cruel? Ele é pior do que Sam o descreveu... – pensou Drew, ao ver a pokébola caindo. – Não vou deixar esse Castform jogado por ai.
O garoto caminhou lentamente, ainda abaixado, em direção à pokébola que Nate havia acabado de lançar para o alto. O garoto a pegou, e liberou o pokémon que havia ali dentro.
- Cast? Castform? – repetia o pokémon, choramingando, e sem saber o que estava acontecendo.
Drew o pegou no colo, colocou-o em seu ombro e disse:
- Está tudo bem, ele não vai mais fazer nada. Você está comigo agora!

________________
Ice GYM Leader - Pokémon Mythology

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)
https://pokemonmythology.forumeiros.com/fanfics-pokemon-f28/pokemon-the-wrong-path-reloaded-t4189.htm

(NOVO) Capítulo 5 - Ganhar de você e ir a Cherrygrove?
Lucario: TheLegend
Lucario: TheLegend
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Nathy$ Sab 20 Jun 2009 - 14:50

Hi Guy's!
Só deu tempo de eu ler agora!
A batalha esta realmente intensa, ta melhor que Caminho Das Indias.
Coitado de Toy, o pequeno "cute-cute" cor de neve foi jogado como se fosse um pequeno brinquedo.
Bom, estou louca para ver o resto.
Espero que já tenha terminado de escrever o próximo capitulo.
Espero...

________________
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 TogepiMetrnomo
Spoiler:
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Asskyk
Nathy$
Nathy$
Membro
Membro

Feminino Idade : 25
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Tsuu Sab 20 Jun 2009 - 17:58

Lucario cara, como disse, fiquei de ler sua Fic e terminei agora.
(Dale espirito de preguiçoso o/)

Exelente, almeijo o dia que escreverei como você. Parabens, to esperando pelo resto.

________________
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Signgl
Tsuu
Tsuu
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Lucario: TheLegend Qua 24 Jun 2009 - 16:09

Passando aqui só pra dar um aviso, os capítulos estão demorando tanto para seres escritos e postados por causa dos horários do meu beta-reader, ok? ^^

Daqui a pouco vou postar o capítulo especial, e no máximo no fim de semana o capítulo 11 tá aqui! Very Happy

________________
Ice GYM Leader - Pokémon Mythology

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)
https://pokemonmythology.forumeiros.com/fanfics-pokemon-f28/pokemon-the-wrong-path-reloaded-t4189.htm

(NOVO) Capítulo 5 - Ganhar de você e ir a Cherrygrove?
Lucario: TheLegend
Lucario: TheLegend
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por MatheusMTW Qui 25 Jun 2009 - 9:12

ta legal a fic fiquei um tempo sem le mais li tudo e ta bem legal
uquqe acontecera co toy o brinquedo ficara com a criança e eles brincaram ou fugira chorando ou vai fica chirando quero le mais XD

________________
Adopt your own at http://www.virtuadopt.com

Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Luluss4 Qui 25 Jun 2009 - 17:03

Muito boa a Fanfic!
Esta incrivel, parece filme!
Estou gostando muito, Nate parece cada vez mais confuso!
Espero próximos capitulos!

________________
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Jigglypuff11
Tem gente que não cansa...

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Ssbb2
Logo mais irá voltar!
Luluss4
Luluss4
Membro
Membro

Masculino Idade : 25
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


http://www.thepokemon.forumeiros.com

Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Lucario: TheLegend Qui 25 Jun 2009 - 20:16

Finalmente consegui postar! Very Happy
Espero que gostem, e, por favor, sejam mais do que sinceros! ^^
Talvez use alguns personagens desses caps. na fic original! ;P

Capítulo Especial 1 - Entrando numa fria!

Era manhã de véspera de natal. A neve caía sobre toda a cidade de Slateport, cada vez mais forte, formando espessas camadas, o que não permitia aos carros andar, e muitos menos as pessoas de sair de casa. Um garoto, em especial, comemorava 10 anos naquele mesmo dia, o seu primeiro longe de casa, naquele estranho lugar que costumavam chamar de orfanato. Ele havia acordado muito cedo naquele dia, ansioso para a noite de natal, num quarto com mais dois garotos, ambos mais velhos, que mal ligavam para ele.

- Bom-dia, pessoal! – gritou ele, feliz, arrumando sua cama, naquele pequeno quarto totalmente desarrumado, exatamente como seus cabelos castanho-amarelados estavam.

Aquele quarto podia ser chamado também de chiqueiro: camisas, calças, cuecas, moletons, agasalhos, meias, tudo espalhado pelo chão do quarto, que havia vários pôsteres de bandas, pokémons, e, principalmente, da elite dos quatro mundial e dos lideres do ginásio daquele continente, Hoenn. Mas, havia um canto do quarto, bem próximo à cama do pequeno garoto, que estava completamente organizado: as roupas todas guardadas nas pequenas gavetas que haviam ao lado da cama, e todos os pertences dele colocados da forma mais bonita possível no armário de cabeceira, junto de sua mochila.

- Bom dia... – responderam os dois garotos, simultaneamente, ainda sonolentos, mas sem metade da alegria que seu companheiro de quarto tinha.
- E você, Petti, como vai? – perguntou o garotinho ao pequeno pokémon preto que flutuava ao seu lado, que havia acabado de pular de uma pokébola em sua mochila, sem ao menos ser chamado.
- Pet, Pet, Shuuuuuppet! – respondeu ele, com a mesma alegria de seu dono.
- Ahh, não! – disse um dos parceiros de quarto, já mais acordado. – Esse pokémon irritante de novo não!
- Calma, Mort, é véspera de natal! – disse o outro garoto.
- E meu aniversário também! – gritou o garotinho.

Mort aparentava ter uns 14 anos, era relativamente baixo para a sua idade, e sua grande e redonda cabeça, coberta pelos seus belos cabelos morenos e compridos, davam-lhe um ar muito maduro.

- Calma?? Você está me pedindo para ter calma, Twizz? Não agüento mais esse Shuppet pulando e cantarolando!

Twizz aparentava ter uns 12 anos, tinha a mesma estatura que seu irmão, Mort, mas possuía cabelos muito mais curtos, que não chegavam nem a lhe cobrir os olhos.
O garotinho não dava ouvido à discussão dos dois irmãos, e continuava pulando com seu pokémon pelo quarto todo, cantando músicas de natal.


- Agora chega! – gritou Mort, indo em direção ao garoto com ambos os punhos fechados.

Nesse exato momento, a escura e fosca porta de madeira do quarto se abriu, e uma estranha mulher, no auge de seus 50 anos, com os primeiros fios brancos tomando o lugar dos antigos fios louros, e sua imensa barriga indicando que costumava comer mais do que devia.

- O que está acontecendo aqui? – gritou ela, enfurecida. – Que atitude é essa, Mort?
- Eu só ia festejar com eles, srta. Trenx! – disse o garoto, de cabeça baixa, mostrando respeito.
- Bater num menino mais novo, que história é essa? – disse ela, puxando o garoto pelo braço para fora do quarto. – E não era um garoto qualquer, era Nathaniel Wegils! Você está louco??

Assim que os dois saíram do quarto, Nate notou que algo havia acontecido, vendo a coloração avermelhada que o rosto de Twizz havia adquirido.

- O que aconteceu? Pra onde ela vai levar o Mort? – perguntou ele, inocentemente.
- Pro pior lugar de todos... – respondeu o garoto, dando uma pequena pausa. - A mesa de café-da-manhã das seis horas!
- A mesa...a mesa dos idiotas?
- Isso mesmo! Nunca te levaram lá porque você é uma estrela aqui....Mort vai ficar realmente muito bravo com você! - disse ele, pela última vez, saindo do quarto.

Nate segurou a porta que se fechava logo à sua frente, e deu pequenos passos naquela direção, ao mesmo tempo que chamava seu Shuppet de volta para a pokébola, colocando sua cabeça no escuro corredor para ver se havia alguém por lá. Ele saiu do quarto devagar, fechando a porta logo atrás dele, e caminhou devagar por aquele corredor escuro, rodeado por imensas portas de madeira por todos os lados, e com uma pintura de um roxo extremamente escuro cobrindo todas as suas paredes, dando um ar ainda mais assustador. O garoto parou ao chegar a uma imensa porta de vidro no fim do corredor, onde era possível se ver o outro lado: um imenso refeitório, com incontáveis mesas, com um número maior ainda de crianças comendo ao redor delas. Nate avistou, sozinho, em uma velha e empoeirada mesa no fundo do salão, Mort sentado, sozinho, apenas com uma bandeja de comida à sua frente. Ao avistar Nate, ele se levantou, passou pela porta que levava à sala das cozinheiras, e continuou caminhando em direção ao garotinho.

- Viu o que você fez? Quem vai querer adotar alguém que come na mesa dos idiotas? – gritou Mort, ao chegar perto dele. – Quem você pensa que é?

Todos os garotos e garotas que estavam naquele imenso salão pintado em um único tom de branco se viraram para onde os dois estavam, olhando fixamente, calados.

- Desculpa, eu não queri...
- Não se desculpe agora! Você vai é ter o que merece! – gritou ele, puxando uma pokébola.
- Mort, aqui não, é um refeitório... – disse Twizz, se levantando de uma mesa muito próxima.

O garoto colocou a pokébola de volta no bolso direito de seu jeans, abaixou a cabeça, e disse, com voz firme:

- Hoje, às dez da noite, no pátio, eu e você.
- Mas...Mas eu só tenho o Petti! – retrucou Nate, mostrando a única pokébola que carregava com ele. – E é véspera de natal, e meu aniversário também!
- Owmmmm, coitadinho! – disse Mort, ironizando a atitude de Nate. – Lute, como homem. Eu e o Grovyle não teremos dó!

Nate saiu correndo o mais rápido que pôde, com lágrimas já escorrendo de seus olhos, em direção ao jardim vazio nos fundos do orfanato. Caminhando por toda aquela neve que chegava aos seus joelhos, naquela fortíssima nevasca, Nate mal conseguia parar em pé. A paisagem do jardim naquela manhã devia ser a mesma de que a de toda cidade: neve, neve, e neve, espalhada por todos os lugares. O garoto passou pelo muro que dividia o orfanato e o Parque Florestal de Slateport, o que era expressamente proibido.

- Aqui está bom, Petti. – disse ele, ao chegar próximo de uma imensa rocha coberta de neve, enxugando suas lágrimas, e lançando sua pokébola no meio da neve, liberando então seu único pokémon. – Vamos treinar!
- Pette, pette? – resmungava seu pokémon, morrendo de frio, mesmo ciente de que seu treinador não entendia uma palavra.
- Use o Shadow Ball naquela pedra!

O Shuppet de Nate, mesmo contra sua vontade, começou a juntar toda a energia de escuridão que ele podia encontrar ao seu redor em uma esfera, preparando-se para lançá-la contra a pedra.

- Agora! – gritou seu treinador, quando percebeu que o tamanho da esfera já era o ideal.

A pequena esfera negra voou contra a imensa pedra branca, acertando-a em cheio.

- Muito bom! Mas precisamos me-me-me-melhorar.... – gaguejou Nate, paralisado ao ver aquela estranha cena.

A pedra que Petti havia acabado de acertar havia se levantado, e se mostrava na verdade um imenso pokémon, que mais parecia um ‘abominável homem das neves’, com metade de seu corpo de uma azul tão claro quanto neve, com algumas machas de um claríssimo verde.

- Um Abomasnow??
- Pet, Pet, Shuuuuppet!! – gritava o pequeno Shuppet, tão assustado como seu treinador diante daquela enorme criatura.
- Use o...o...

O pokémon das neves se aproximava cada vez mais, com seus braços ganhando uma brilhante coloração marrom-esverdeada e formava uma espécie de martelo, mas, por ser muito lento, dava muito tempo para Nate pensar.

- Eu….Eu não vou conseguir lutar com ele!
- Shuppet? – exclamava seu pokémon, estranhando a indecisão de seu pequeno treinador.

Os braços do Abomasnow se tornavam cada vez mais próximos, o bastante para atacar. O imenso pokémon então ergueu aquele estranho martelo que anteriormente parecia ser um de seus braços, e bateu contra Petti, que foi jogado contra Nate, que caiu para trás, ainda estático, e sem dar ordem alguma para seu pokémon.

- Abomasnow, Abomasnow, Abomasnow! – gritava o pokémon selvagem, enfurecido.
- Não posso....fazer nada.... – sussurrava Nate para si mesmo, de cabeça baixa, sem ao menos olhar o que acontecia.

________________
Ice GYM Leader - Pokémon Mythology

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)
https://pokemonmythology.forumeiros.com/fanfics-pokemon-f28/pokemon-the-wrong-path-reloaded-t4189.htm

(NOVO) Capítulo 5 - Ganhar de você e ir a Cherrygrove?
Lucario: TheLegend
Lucario: TheLegend
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Lucario: TheLegend Qui 25 Jun 2009 - 20:16

Nesse exato momento, uma estranha melodia penetrou em seus ouvidos. O garoto rapidamente levantou a cabeça, para ver de onde aquele maravilhoso som saia.

- Grasswhistle.... – disse ele, devagar, antes de adormecer ao lado de Petti, ao ver aquele Abomasnow selvagem achando que estava em um show de talentos.


Algumas horas depois...


O pequeno Nate abriu seus olhos, após ficar adormecido por longos sessenta minutos, e se encontrou rodeado pela neve por todos os lados. Desesperado, ele começou a cavar para cima, e em questão de segundos conseguiu enxergar a parede do orfanato. A neve ainda caía em velocidade e quantidade incríveis, deixando impossível de se ver qualquer coisa. O garoto se levantou o mais rápido que pôde, e notou um estranho brilho azul muito intenso a poucos metros dele.

- Petti!? Petti?? – gritava ele, procurando por seu pokémon, enquanto se aproximava do estranho brilho, que se tornava cada vez mais forte.

De repente, um estranho e grande objeto negro é lançado em sua direção, derrubando-o.

- Petti? É você? – disse ele, tirando o objeto de cima dele, e notando que o brilho azulado já havia desaparecido.
- Houn....Houn.... – murmurava o pequeno pokémon em seus braços, que ele percebeu ser de uma coloração preta muito forte, com machas prateadas espalhadas por certas partes de seu corpo em formato de cachorro, com grandes ferimentos.

*Um Houndour? Onde está o Petti então?* - pensava ele, imensamente preocupado.

Em questão de segundos, o mesmo brilho azulado apareceu novamente, dessa vez muito próximo, e chegando cada vez mais perto.
Nate avistou então, ao longe, o imenso Abomasnow vindo em sua direção, com os punhos cerrados e emanando aquela perfeita coloração.


- Petti? – gritou Nate, mais uma vez. – Cadê você?

Sem resposta. O pokémons das neves chegava cada vez mais perto, e o coração de Nate batia cada vez mais rápido.

- Alguém, por favor, me ajude!

Já era noite, e o clima nada favorável, era impossível de alguém escutá-lo.

- Dour...Dour... – murmurou o pokémon em seu colo, se levantando, e andando em direção ao pokémon que se preparava para atacar.
- Ei, você está louco? – perguntou Nate, indo na direção do pokémon que havia acabado de encontrar. – Você tá muito machucado!
- Dour...Dour... – repetia o pokémon, sem dar ouvidos.

Num simples movimento, Houndour deu um passo para trás, e lançou uma imensa rajada de fogo na direção do Abomasnow, parando-o imediatamente.

- Que Flamethrower poderoso... – disse Nate, abismado. – Você quer mesmo lutar, não é?
- Houndour, Houndour! – disse o pokémon, correndo para a direção contrária.

Nate instantaneamente correu atrás dele, se perguntando o que um pokémon daqueles fazia numa área de tanta nevasca como aquela.
Quanto mais eles corriam, mais a neve parecia diminuir, possibilitando a Nate enxergar outra figura preta caída no chão, logo à frente de onde o Houndour tinha parado.

- Petti! – exclamou Nate, reconhecendo seu pokémon caído. – Muito bom, Houndour!

O garoto então pegou a única pokébola que tinha, e colocou seu Shuppet de volta na pokébola, abraçando-a fortemente.

- Muito obrigado mesmo, Houndour! – disse Nate, sorrindo. – Agora preciso ir, devem estar preocupados comigo, e acho que ainda tenho uma batalha daqui a pouco...já tá tarde!

- Dour, Dour! – exclamou o pokémon, se esfregando em Nate.
- Vo-Vo-Você quer....vir comigo?
- Dour, Dour! – exclamou o pokémon novamente, com um sorriso, e caindo novamente na neve, completamente debilitado.

Nate o pegou no colo, e correu para dentro do orfanato, o mais rápido que pôde. Ele encontrou a srta. Trenx no corredor, que se assustou com o que via, mas o garoto não a deixou falar.

- Rápido, rápido, esse pokémon tá muito fraco!
- Posso saber aonde o senhor estava?
- Não importa agora, cure esse pokémon e esse outro na pokébola, por favor!

A mulher parou um instante, refletiu, e disse, com extrema autoridade:

- Me dê ele aqui e vá para seu quarto, agora! – gritou, apontando para a porta logo à esquerda deles, e pegando o Houndour e a pokébola das mãos do garoto.

Nate abriu a porta e entrou em seu quarto, que no momento estava vazio, contrariado. O lugar estava exatamente como de manhã, extremamente bagunçado e desorganizado, exceto por sua parte.
O garoto se jogou em sua cama, pensando no que havia acontecido mais cedo, e, em questão de minutos, adormeceu novamente.


Duas horas depois...


- Acorda! – disse uma voz conhecida, no ouvido de Nate. – Ei, Nate, acorda!
- Hã? Mãe?
- Não né! – disse Twizz, dando uma estranha olhada para o garoto. – Tá achando que tenho voz de mulher?Vem logo, tá na hora da sua luta com o Mort!
- Mas...e aquele Houndour e o meu Petti?? E o natal??
- O Houndour tá bem, aqui nessa pokébola, assim como seu Shuppet. – disse ele, entregando dois pequenos objetos redondos para Nate. - E o natal que se dane, quero ver meu irmão acabar com você!

Puxado por Twizz, Nate foi levado até o pátio coberto do orfanato, logo depois da cantina, agora vazia, aonde Mort esperava sentado, e uma imensa multidão rodeava aquele salão. O lugar parecia uma arena de batalha: todo coberto por um teto de metal, o que permitia se ouvir a neve caindo, e com pinturas de pokémons lendários espalhados pelo chão amarelado do lugar: Groudon, Kyogre e Rayquaza.
O garoto foi caminhando devagar para o centro, enquanto Twizz se juntava à multidão.


- Até que enfim, achei que tinha amarelado! – disse Mort, levando a multidão à loucura.
- Quais serão as regras? – disse Nate, fingindo que não havia ouvido.
- Regras?? – riu Mort. – Ele quer regras, gente!

A multidão novamente riu de Nate, deixando-o sem jeito.

- O negócio é o seguinte: manda ai seu pokémonzinho, eu acabo com ele, e acabou todo esse drama!

Nate preferiu ficar calado.

- Não vai falar nada agora, é? Grovyle, vai, vamos acabar com esse otário metido à bom antes que a srta. Trenx chegue! – disse Mort, lançando uma pokébola à frente de Nate, exatamente aonde ficava o desenho da cauda de Groudon, e liberando um pokémon da altura de Nate, com folhas em seus pés, mãos e cabeça, realçando mais ainda os tons de verde e vermelho que cobriam todo o seu corpo.

- Petti...vamos lutar... – disse ele, desanimado, lançando a pokébola à frente também, e liberando seu Shuppet.
- Grovyle, use o Leaf Blade!

O pokémon de Mort deu um salto em uma velocidade incrível para o alto, dando um brilho esverdeado e endurecendo as folhas que saíam de seus braços, formando duas verdadeiras lâminas afiadíssimas.

- Petti, desvie e use o Sucker Punch!

Não foi possível. O Grovyle de Mort se moveu numa imensa velocidade, acertando seu pokémon em cheio, e levando a multidão à loucura.

- Ei, Ei, Ei, Mort é nosso rei! Ei, Ei, Ei, Mort é nosso rei! - gritavam todos, em coro.
- Petti, use o Shadow Ball! - gritou Nate, já muito abalado.

Seu pequeno pokémon, percebendo o momento ruim, tentou fazer o melhor possível, e começou a juntar toda a energia negra que emanava do lugar em uma esfera de sombras.

- Grovyle, use o Double Team! - gritou Mort.

Inúmeras cópias do mesmo pokémon foram criadas, e rodearam o pokémon de Nate, que estava concentrado em sua esfera.

- Agora, Petti, ataque, sei que você sabe qual é o certo!

O Shuppet de Nate lançou a esfera de sombras que ele havia formado para um dos Grovyle's logo à sua frente, acertando-o em cheio, e fazendo-o desaparecer instantaneamente.

- Você achou que seria tão fácil? Você é muito fraco, garoto! - gritou Mort. - Agora, Grovyle, use o Crunch e acabe logo com isso!

A mandíbula do Grovyle e de todas as suas cópias ganharam uma coloração negra, e todos correram em direção ao Suppet no centro.
Nesse exato momento, a porta do lugar se abriu. Um imenso pokémon rosado pulou na frente de Petti, protegendo-o facilmente de todos os golpes.

- Srta. Trenx e seu Lickilicky??? - gritou uma das garotas na multidão, ao ver uma rechonchuda figura parada na porta, e ao reconhecer o pokémon que havia intervido na batalha.

Todos saíram correndo do local, deixando apenas Nate e Mort parados, no mesmo lugar.

- O que é isso? Batalha no pátio? - disse a mulher, se aproximando dos dois. -Vocês sabem que isso é proibido, não sabem?
- Sabemos, senhorit... - disse Mort.
- Mas foi culpa dele, eu não...
- Eu sei, Nate, eu sei, foi culpa dele, e ele vai ter seu castigo.
- Mas, senhorit... - tentou falar Mort.
- Nada de mas. - disse ela. - Sei que Nate é um garoto bom, e que ele nunca faria nada a ninguém, muito menos teria coragem de lutar com você!
- Bom, isso é verdade... - disse Mort, olhando para Nate, e sorrindo de um modo extremamente arrogante.

O garoto então foi levado de lá, sorrindo, apesar de saber o que poderia vir a acontecer com ele, acompanhado por seu pokémon e o da srta. Trenx.

- Você me acha fraco, Petti? - perguntou Nate ao seu pokémon, que ficou calado.
- Eu não sou fraco! E eu vou provar isso, de uma vez por todas! É hora de mudar....meu aniversário, véspera de natal, tudo sem meus pais, cansei de ser humilhado! É hora de ser alguém! - disse ele, gritando e dando um soco com toda a sua força na parede mais próxima. - Eu sou forte!

Ele parou uns instantes, ficou olhando para o teto, refletindo no que havia acontecido, com o rosto completamente vermelho.

- AHHHHHHHH, ok, ok, eu não sou forte, por favor, alguém me ajude, acho que quebrei minha mão! - gritou ele sem parar, enquanto chorava desesperado, correndo pelo pátio.

________________
Ice GYM Leader - Pokémon Mythology

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)
https://pokemonmythology.forumeiros.com/fanfics-pokemon-f28/pokemon-the-wrong-path-reloaded-t4189.htm

(NOVO) Capítulo 5 - Ganhar de você e ir a Cherrygrove?
Lucario: TheLegend
Lucario: TheLegend
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Riku_Devon Qui 25 Jun 2009 - 20:57

Legal esse epi =D
LOL!Eu ri do final xD
Me lembrei de Kenan e Kel,em um episódio que eles vão para um ringue de luta!
E legal essa luta,Mort arrogante e3e

________________
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Signriku
Riku_Devon
Riku_Devon
Membro
Membro

Masculino Idade : 24
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Brijudoca Sex 26 Jun 2009 - 7:00

Ei, Nate faz aniversário no mesmo dia que eu.
Véspera de Natal!
Um bom flash back
Edit: Ah, deixa eu te dar um aviso. Tome cuidado com o que escreve. Eu quase que caí da cadeira de tanto dar risada quando eu li a última parte.
Brijudoca
Brijudoca
Moderador
Moderador

Masculino Idade : 25
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue

Frase pessoal : make brazil emo again


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Lucario: TheLegend Sab 27 Jun 2009 - 0:11

Obrigado por todos os comentários positivos! Very Happy

Tava escrevendo o cap. 11 agora pouco mas deu problema no pc...mas acho que domingo já tá aqui! ^^

________________
Ice GYM Leader - Pokémon Mythology

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)
https://pokemonmythology.forumeiros.com/fanfics-pokemon-f28/pokemon-the-wrong-path-reloaded-t4189.htm

(NOVO) Capítulo 5 - Ganhar de você e ir a Cherrygrove?
Lucario: TheLegend
Lucario: TheLegend
Membro
Membro

Masculino Idade : 26
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por LucasAngel Sab 27 Jun 2009 - 17:17

Eae pessoal...Sou novo aqui no forum...
Curto demais essa fic, continue assim!!!!
Eu fiz uma fic desse mesmo estilo a algum tempo atras, mas nao tive paciencia de acaba-la,
meus sinceros parabens!!! issoai


Última edição por LucasAngel em Dom 28 Jun 2009 - 12:40, editado 1 vez(es)
LucasAngel
LucasAngel
Membro
Membro

Masculino Idade : 27
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Nathy$ Dom 28 Jun 2009 - 10:43

Hi Guy's!
Realmente a mão foi o climáx do final!
Ficou ótimo o FlashBack!
Isso sim é novela FanFic!
Continue, quero ver mais especias!

________________
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 TogepiMetrnomo
Spoiler:
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Asskyk
Nathy$
Nathy$
Membro
Membro

Feminino Idade : 25
Alerta Alerta :
Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pokémon: The Wrong Path (Reloaded) - Página 3 Empty Re: Pokémon: The Wrong Path (Reloaded)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Página 3 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ir para o topo


 
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos